segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Bateu o desespero no 44


 
Patinando em terceiro nas pesquisas e com o maior índice de rejeição (31%) segundo a última pesquisa Escutec/O Estado do Ma, o candidato oficial de Rilva Luís, Marcelo Santana, sem conseguir mostrar obras ou um fato novo que levante sua campanha partiu para o tudo ou nada e até apelando para a chantagem emocional. 

Em um de seus discursos freqüentado somente pela claque das bandeiras, pagas com os nossos impostos, ele se saiu com esta pérola: "pessoal estou muito triste, estou sofrendo ameaças do lado do 22 e do lado do 25. Eles estavam ameaçando minha filha de morte". Dá para acreditar? Se nem ele é conhecido na cidade, imaginem sua filha. Qual interesse os candidatos adversários teriam com um ato insano desses?

É o desespero do grupo que está há 16 anos no poder e não emplacou a candidatura, pois o povo vianense não aguenta mais tanto descaso, roubalheira e falta de amor com a cidade. Só resta, portanto, soltar mentiras na imprensa chapa-branca, além de criar factóides. Dessa vez os eleitores vão sair do cabresto: vão pegar o dinheiro, mas vão votar em alguém mais competente, que lhes traga benefícios e não somente festas de forró e reggae. Chega de aventureiros.

2 comentários:

Anônimo disse...

Será que o Tatu empacou de vez?
Zé da Rede - Viana.

na disse...

Kkkkkkkkk
É o dsespero mesmo!
É so ele fazer a campanha em cimqa das obras que o cndidato dele fez ,e prometer o segmento da gestao do prefeitinho dele,seria muito facil,vai a ai a dica ê so ele somar os 8 anos que vai chegar a um resultado que todo mundo sabe NADA.
Parauapebas-pa